Performance de Aplicações: quanto sua empresa pode estar perdendo com sistemas lentos

Uma das principais ações da maioria das empresas é o investimento em tecnologia. O uso de aplicativos e ferramentas são uma das formas de otimizar a performance e os processos de um negócio. Porém, se esse mesmo sistema for lento ou tiver uma difícil usabilidade, de nada vai adiantar esse investimento. Pelo contrário, vai aumentar as suas dívidas, pois não há resultados eficazes com tal ferramenta.

Quais os prejuízos que sua empresa pode ter com uma aplicação lenta?

Existem diversos problemas que podem surgir por causa do mau funcionamento de um sistema.

Seja qual for o tamanho ou o nicho da empresa, é essencial entender que o funcionamento da tecnologia envolvida deve entregar os resultados que promete. Se o sistema indica que vai ter mais rapidez no acesso à informação, isso deve acontecer na realidade. Se o aplicativo promete ser de melhor acesso, o design deve ser intuitivo e de fácil entendimento.

Uma das perdas mais significativas é em relação ao atendimento. Se a sua empresa trabalha em contato constante com o cliente, as chances de transtorno em aplicações lentas são grandes. Gera estresse nos clientes, que podem reagir mal e manchar a imagem da sua empresa, além de incomodar os colaboradores, que terão sua produtividade diminuída e ainda terão que lidar com os clientes insatisfeitos.

Falando em colaboradores, vale lembrar que, no geral, os mais impactados são os funcionários que lidam diretamente com a tecnologia. Muitas vezes o que deveria otimizar o processo pode atrapalhar ainda mais as atividades.

Devemos pensar ainda no tempo, não só de execução, mas também de suporte, gastos com sistemas lentos. Seja com um sistema de help desk ou service desk, ambos terão uma demanda de tempo gastos e isso gera um prejuízo no final.

Outra desvantagem é em relação aos resultados obtidos. Uma aplicação deve desenvolver suas funções corretamente e isso acaba sendo prejudicado com a lentidão do sistema. Sem falar nas possibilidades dos softwares. Vale destacar que a qualidade dos dados é tão essencial quanto a forma de uso das mesmas. O sistema lento pode atrapalhar a obtenção de dados eficazes.

A gestão dos recursos também é afetada com o sistema lento. Isso porque, através dos dados obtidos, é possível fazer um filtro para avaliar o desempenho de hardware e softwares em funcionamento. Além disso, podemos observar uma análise mais assertiva sobre os problemas enfrentados e as possíveis soluções.

Se for um sistema integrado, tal insatisfação pode ser generalizada. Todos os setores da empresa ficarão em busca de formas de melhorar um sistema que deveria proporcionar resultados já esperados.

A solução está em investir na performance de aplicações. Trata-se de testes para avaliar, objetivamente através de métricas, o que está acontecendo com seus sistemas. Por meio disso é possível, inclusive, obter insights importantes para o negócio. Mas como fazer isso?

Para começar, procure por empresas que disponibilizam esse tipo de serviço. Avalie a credibilidade do local assim como o atendimento ao cliente. Quer conhecer mais sobre os nossos serviços? Conheça os nossos planos e descubra qual tem mais a ver com o seu negócio e os seus objetivos.